EUA Facilitam as Regras de Obtenção de Vistos para Visitantes VIH-Positivos



Na Segunda-feira, o Departamento de Segurança Interna (DHS) anunciou que vai facilitar e acelerar o processamento de vistos de visitantes VIH-positivos para os Estados Unidos da América.

O anúncio surge meses após o Presidente Bush ter abolido uma legislação vigente há 21 anos que proibia as viagens de pessoas infectadas com o VIH/SIDA aos Estados Unidos. Anteriormente, só as pessoas com uma autorização especial podiam entrar.

Sob as novas regras, os consulados dos EUA no estrangeiro terão autoridade para passar vistos temporários, não emigrantes, a candidatos VIH-positivos que vão ao encontro de "todos os outros critérios normais para atribuição de um viso para os EUA", dizia uma declaração do DHS. "Estamos também a acelerar o processo mediante a disponibilização de um local adicional para admissão temporária, ao mesmo tempo que mantemos um elevado nível de segurança nas nossas fronteiras", disse o Secretário do DHS, Michael Chertoff.

Os vistos emitidos agora "serão sujeitos a certos critérios estabelecidos para assegurar que as actividades de uma pessoa infectada com o VIH enquanto nos Estados Unidos não constituam risco para a saúde pública", dizia a declaração, sem entrar em pormenores.

Agência France Presse (29.09.2008)

20 comentários:

sideny disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
sideny disse...

Acho bem que renovem a lei.
pois os infectados t~em o direito de visitar os estados u da america.
além disso não somos perigo para ninguem,não contagiamos ninguem.
agora temos é de ter cuidado com o que os outros nos possam contagiar,uma simples gripe pode ser a nossa morte,e ha tanta gente a tossir sem por a mão a frente da boca.(e até outras doenças)
e tambem o que não deve faltar e americanos com hiv.

ja me estiquei no comentario, não devia.
beijocas

Maria Dias disse...

Era só o que faltava...Será q os EUA não estão percebendo os sinais?O q acham q são?Todos temos direito de ir e vir.Sabemos q o vírus não se transmite pelo ar ainda bem q voltaram atrás nesta decisão incabível,afinal,o mundo então teria q proibí-los de entrar nos outros países tb...Não adianta fugir,o problema está no mundo e não é hora de se esconder ou recolher é hora de se unir.

Beijinhos Paulo!

Maria Dias disse...

Desculpe alguns errinhos básicos de gramática...rs

M. disse...

Pronto, é bom, é uma boa notícia e tal mas continua a irritar-me tanta cerimónia. Até parece que um seropositivo é uma ameaça terrorista ou o raio que o parta, fazem vistos especiais e ainda vão vigiar a segurança nas fronteiras.. isto dá-me vontade de rir...
Tanta coisa, não é qualquer um que pode dar a trincadela na grande maçã porque há que proteger acima de tudo, não a saúde mas o orgulho americano, aquele que os fazia sentir intocáveis.

O que esta notícia tem em comum com a tragédia americana é que ambas tocam a inocentes e ambas me lembram a grandiosa estupidez da América. A mesma estupidez que fez Bin Laden esfregar as mãos...

Seja...

SILÊNCIO CULPADO disse...

Paulo

É, concordo com a M., irrita tanta cerimónia. Estás mesmo interessado em visitar os States? Eu sei que a questão não é essa. É que o facto de não se poder é um portão de ferro que se fecha num determinado horizonte.

Abraço apertado

Fatyly disse...

O povo americano não pode ser conatado como bestas por terem bestas como governantes. O Bush actual aboliu agora porque está a sair do poleiro, e já noutro post anterior eu disse que desconhecia por completo esta "lei americana".
Mas que se façam alterações para melhor e que vejam que os que vêm a Portugal passar férias no ALLGARVE não são proibidos...que eu saiba né?

Enfim, como diz a Sideny, há quem tussa e não ponha a mão à frente como regra de boa educação sendo transmissor de inúmeras doenças.

Mas tudo vai mudar nas terras do tio Sam:)

Um abraço sincero

Odele Souza disse...

Era o mínimo que os EUA tinham que fazer. Liberar a entrada dos soropositivos.

E concordo com Sideny. Pela falta de cuidado (e educação) muitos que não estão contaminados com o virus poderão passar outras doenças.

Abraços.

isabel mendes ferreira disse...

das ditas "conveniências" sanitárias________________ou antes do preconceito pouco/nada inteligente?


coisas de uma potência dita cerebralmente Livre.

sendo. no entanto. porém des.sendo quando o medo ataca a inteligência.

abraço.


. sempre.

Paulo disse...

Sideny

Os infectados têm todos os direitos, assim como todos os deveres perante a sociedade.

Esta situação relativa aos EUA é absurda roçando ainda a mediana idade.

Um dia, vamos lá os dois, e mostrar-te-ei Nova York em detalhe, pois já tive oportunidade de lá estar, infectado ou talvez não...

Beijoka gôda

Paulo disse...

Maria Dias

Os infectados pelo VIH não representam qualquer risco social no mundo em que vivemos.

É sempre maior o risco do preconceito, da discriminação e do estigma, de todos aqueles que se deixam infectar por isso!

Um beijinho enorme

Paulo disse...

m.

Raio que o parta, o ignorante, aquele que não quer ver, e vive em pleno, pensando tratar-se de um assunto alheio, até que e infelizmente chegue também a sua vez...

Um beijo

Paulo disse...

Lídia

Visitei os states há uns largos anos atrás, ainda como não infectado. Tive o prazer de passear no topo do World Trade Center que entretanto já não existe.

Voltar lá? Quem sabe...

Agora vou até Londres já em Novembro e em Fevereiro às Maldivas, com os direitos e deveres que me assistem como ser humano.

Um abraço apertado

Paulo disse...

Fatyly

Faço votos para que assim seja, caso contrário, vais lá comigo... resolver o assunto de uma vez por todas...

:)

Beijinho amigo.

Paulo disse...

Odele

Que todos os países que colocam restrições à entrada de visitantes VIH positivos, possam de uma vez por todas corrigir procedimentos ridiculos e sem sentido.

Um beijinho para Si e outro do tamanho do Mundo para Flávia.

Paulo disse...

Isabel

O berço rejeita o filho. A parteira assiste sem baixar os olhos, semeando medos na linha do horizonte, onde reinam acorrentados de corpo e alma, os ausentes do mundo.

Terno.

isabel mendes ferreira disse...

Terníssimo!
(sorriso).


beijo.

Mariz disse...

Paulo

Definitivamente já não aguento ouvir mais falar-se dos States! Eles são sempre os maiores em tudo! Eles também acabam...com tudo!
Eles acham-se os melhores do mundo...e estão tão cegos que não vêm que são também...os piores do mundo.
Eu não sou fanática, ou racista - até porque em altura própria lutei para acabar com isso. Mas a crise não são as doenças e os medicamentos...é aí que as pessoas ainda não entenderam!
É urgente que as pessoas se curem por si e não, estarem á espera do modelo mais recente medicamento, como se fosse o mais aplaudido na onda de teen agers á procura do 1º lugar na passerelle como concorrente á ecolhida do ano!
antigamente, os nossos ancestrais
curavam -se por exemplo, com os pés descalços sobre a terra, virados para o sol que se ia pondo. e esse intervalo de mais ou menos 15 minutos, visualizavam-se envoltos naquela belíssima côr alaranjada brilhante e de mãos postas ao meio do peito, com respirações profundas, pediam que o amor e Paz os envolvesse bem como ao resto do mundo. a meditação, a contemplação, o olhar para tudo e todos com serenidade e distanciamento, a compaixão se estiverem presentes na vivência de todos os dias, as pessoas CURAM-SE!!! eu sou uma prova viva disso. Se eu não mudasse, ainda hoje estaria do lado direito!!! Até porque a fisioperapia, mais massagens, quente/humidos e mais nao sei o quê, mais analgesicos..não estavam a dar nada!!! o organismo rejeita os medicamentos ou então não aparenta melhoras, porque as pessoas continuam com a sua vidinha do costume, sem terem tempo para si próprias, rebeliam-se com as doenças em vez de as aceitarem, porque seforam infectados, n ão foi por culpa de nada mas do seu próprio SEr que está doente e infectado!!! é a mesma coisa de eu ter sofrido degastrite durante anos..."porque digiria mal o que me diziam ou acontecia, ao ponto de ter dificuldade em comer. Curei-me...deixei de ouvir de dar importância, comecei a rir-me das chatices! de tudo! e olhe que não virei santa!!! Porém não ajo/penso/sinto/como antigamente há alguns bons anos!!! aprendi a não me queixar...não se deve! O nosso mundo interior é vivo e sente; mas é sobretudo inteligente!!! A doença de cancro por exemplo, é portadora de ressentimentos e apegos ao passado - pelo que já se sabe. Quem "parte" sem cumprir o seu projecto anímico nesse/s ponto/s, ou seja, livrarem-se desse pesadelo, é certo, que virá novamente cá, nem que seja por mais 3, 6, 15 mais, ou até menos anos...para ensinar os pais que escolheram, e viverem nesse lar, por uma questão kármica! As células cancerígenas gostam de se alimentar de doces, por exemplo, alimentando-as, a doença espalha-se com o açucar e outros alimentos. é bom por exemplo, ficar a pão e água, uma ou mais vezes por semana até o corpo começar a reagir inversamente... é claro que a medicina não suporta este tipo de terapias naturais e holísticas!Assim como as pessoas não se interessam por estas coisas, e depois, ficam muito aflitas e até revoltadas com o que acontece pelos menos a quem é Eu estive com muitas delas na Ass. Acreditar! Não basta estudar as causas ou efeitos das doenças, mas sim EVITÁ-LAS OU PROTEGER-SE DELAS!! Basta focar a atenção nos "sinais"! MUDE-SE a acção do pensamento e deixa-se de ficar doentes...ou então quando algo surge não tem a mesma força...é mais passageiro - tipo ajustes! é pena que a maioria prefira esperar pela pílula dourada da cura que atinge o EFEITO MAS NUNCA A/S CAUSA/S!! E ESSAS ESTÃO APENAS E SÓ DENTRO DE CADA UM/a!!! o EXTERIOR É APENAS O ESPELHO DO FILME INTERNO QUE VAMOS RODANDO EM REPRISES...ATÉ CAÍREM EM DESUSO, ULTRAPASSADOS, - ATÉ NÃO MAIS OS AGUENTARMOS!!
Sem doutrinas, a menos que essas sejam um "apoio" para se ouvir voz interior mais nitidamente e atender o SER, o tal que nos ANIMA e que tem uma voz própria... consciência! - QUE NINGUÉM OUVE! é por aí que se começa. MAs isso custa, é chato, incómodo!! Muitos preferem fazer chantagem com o Alto:" se me curares, dou mil voltas de joelhos em Fátima, ou em Lourdes. Estou a exagerar, pra que percebam que isto não se faz! Nós não pertencemos, nem somos daqui! a TERRA - que muito amo - é uma ESCOLA de aprendizagem para aprendermos a livrar-nos desta densidade - que é a matéria! Nós SOMOS ENERGIA PURA. COMO TAL, NÃO PODEMOS NOS APEGAR A NADA NEM A NINGUÉM OU SEQUER APENAS ACREDITAR NO QUE VEMOS, TOCAMOS, OUVIMOS, ETC!! Mas como ninguém está para VER com olhos de ver e OUVIR com as orelhas bem abertas...as coisas vão fIcar cada vez piores e quem está a preparar-se para o que aí vem? Algo que já se inciou há que tempos!!! Não basta escrever em blogs, nem conferenciar,etc.etc. é necessário AGIR!! AGIR a SÈRIO! COMPROMETEREM-SE A FUNDO, SÉRIAMENTE, COM RESPONSABILIDADE CONSIGO MESMOS!

Beijinhos
MAriz

Mariz disse...

Paulo
Peço desculpa de algumas falhas na escrita mas o meu cursor de quando em vez salta e como continuo a escrever não dou onde é que ele se posicionou - que tanto pode ficar no intervalo de palavras ou saltar para um lado qualquer. quando relatei o que aconteceu ao meu lado direito, estava a referir-me a uma paralisia fiquei imobilizada.

Mariz disse...

Já deixei uma notinha em resposta ao que deixou escrito.Espero que Não leve a mal o que lhe transmito; é que não sei, mas não sei mesmo, funcionar a não ser com frontalidade e que por vezes, doi ou é chato de se ler!...mas também não é menos verdade, que o ego não pode nem deve imperar nestas ou noutras situações do género...senão não avançamos!!! E a nossa evolução não se compadece apenas com panos quentes!
Sabe quye estou sempre aqui e disposta a tudo por si. É apenas com isto que deve conviver em relação a mim|!
Abraço carinhoso